sexta-feira, 28 de outubro de 2011

O QUE REALMENTE IMPORTA.

" Ninguém pode dar aquilo que não tem "


"Hoje levantei cedo pensando no que tenho a fazer antes que o relógio marque meia noite. É minha função escolher que tipo de dia irá ser dedicado à minha criação hoje.

Posso reclamar porque uma doença nova apareceu em uma ninhada  ou agradecer a ela pela descoberta de um novo controle para os futuros filhotes.  Posso ficar triste por não ter conseguido o animal perfeito ou me sentir encorajado para melhorar ainda mais os critérios futuros de cruzamentos e, continuar com isso, a escrever o nosso nome na história. Posso reclamar sobre perder uma exposição para um animal atípico  ou dar graças por poder  perder com um DOGO ARGENTINO de verdade sem ter que me envergonhar por isso.




Esse é o paradoxo da nossa vida. Temos estradas mais largas, mas ponto de vista mais estreito. Gastamos mais, mas temos menos. Maior conhecimento, mas menor capacidade de julgamento. Olhem as exposições ! Não se trata de ganhar e sim de ser um vencedor. Nunca se tratou da chegada e sim da viagem onde homens de grande estatura e pequeno carácter nunca conseguirão vislumbrar.

Multiplicasse idas as pistas de competição, mas reduzimos o valor dos nossos animais que não tem culpa da nossa ignorância. Aprendemos a ganhar a vida, mas não a vivê-la.



Nesse tempo de comidas rápidas e digestões lentas poderíamos nos queixar dos invejosos, mas preferimos ser gratos por essa forma particular de admiração. Posso reclamar de ter alguma dificuldade financeira ou agradecer por isso não ser um impeditivo à admiração que todos possuem pelo nosso trabalho. Posso sentir tédio das politicagens do meio Dogueiro  ou agradecer a Deus por termos o caráter de não nos vendermos a ninguém ou a circunstância alguma.

 Posso lamentar decepções com amigos ou me entusiasmar com a possibilidade de fazer novas amizades. Se as coisas não saíram como planejei posso ficar feliz por ter hoje para recomeçar.

 O dia está na minha frente esperando para ser o que eu quiser. E aqui estou eu, um dos escultores que pode dar forma ao Bravura del Ayar.

Massaia do Bravura del Ayar

 Tudo depende só de mim."


A reprodução integral ou parcial de textos originais deste blog depende de autorização prévia Lei 9.610, de 19/02/1998. Todos os Direitos Reservados.

2 comentários:

Anônimo disse...

Lindo texto !

Roberta Paz

Anônimo disse...

Boa tarde Oswaldo. Meu dogo tem 4 anos e está com aumento de baço. Não fizemos a cirurgia pois teve um abcesso no fundo da língua e já estava sem comer e beber, p q sua lingua estava paralizando(roxa). Ele é muito grande e o excesso de sangue no baço deve incomoda-lo. Vou leva-lo ao veterinário e questionar isso, pois como o TORO não apresentou a doença do carrapato,o médico disse q poderia ser genéticom lendo seu texto e cm está com um dos olhos vermelhos pode ser esta virose. Obrigada por postar esse trabalho. Percebo q realmente ama a raça. Sempre achei... Claudia Chiovetto

CORTE DE ORELHAS - SUA IMPORTÂNCIA NA RAÇA DOGO

Que o bem possa sempre vencer o mal. Que possa nos dar a proteção e força  que tanto buscamos para enfrentar os desafios pelos quais...